Pulo do Lobo

quarta-feira, dezembro 14, 2005

"Afterglow"

Cruzei-me com um novo cartaz da campanha do dr. M. Soares, de que se fala aqui. Diz "sempre presente", em letra grande e acrescenta, salvo erro, "nos momentos difíceis", em letras mais pequenas. Sobressai o imenso rosto do Soares de agora. Como que num limbo, o candidato contempla-nos, melancólico e distante. Tudo naquele rosto e naquele olhar desmente o "sempre presente" do texto. Lembra-me um poema maravilhoso de Borges, Afterglow:

Siempre es conmovedor el ocaso
por indigente o charro que sea,
pero más conmovedor todavía
es aquel brillo desesperado y final
que herrumbra la llanura
cuando el sol último se ha hundido.
Nos duele sostener esa luz tirante y distinta,
esa alucinación que impone al espacio
el unánime miedo a la sombra
y que cesa de golpe
cuando notamos su falsía,
como cesan los sueños
cuando sabemos que soñamos.

3 Comments:

  • At 9:34 da manhã, Blogger daviduskas said…

    I’m positive that if you look at this you’ll have a miserable day, yes, it’s about him!
    http://enlightenment-back-to.blogspot.com/

     
  • At 2:59 da tarde, Blogger ZP said…

    o cartaz está um bocado surreal está. borges vem muito a propósito. interrogo-me se o surrealismo será deliberado (um novo estilo de marketing político?)
    já agora - o slogan "sempre presente" parece ser inspirado no movimento "sempre presente - fatima felgueiras à presidência".

     
  • At 7:37 da tarde, Anonymous Gorgeous said…

    Isto não é a Brasileira do Chiado e Natália Correia já faleceu.
    Não tenha nada contra a Kultura, mas mesmo assim vc não está a falar para um plateia de bábákas.
    Todo o seu coté mundividente, de União Nacional, diga-se de passagem, como diria o Manson, é bafiento e muito pouco moderno.

     

Enviar um comentário

<< Home