Pulo do Lobo

quinta-feira, novembro 10, 2005

Vamos lá ver se nos entendemos

Isto é um espaço de pessoas livres, unidas num propósito circunstancial de ver uma determinada candidatura sair vencedora de um determinado acto eleitoral. Nada mais natural. No fundo, é assim que o mundo pula e avança. Muita malta diferente, meia dúzia de intenções em comum e lá se vai fazendo o que se pode.


Eu, por exemplo (e aqui falo apenas por mim), ao contrário do que por aí se diz (esta vai com aviso de recepção mas sem link, que eu não suporto oportunistas), não sou "indefectível" de Cavaco Silva (olha eu). Desde logo porque indefectível, sou-o apenas da família, da namorada e do Futebol Clube do Porto. Quanto ao PdL, não se trata de uma trupe organizada, muito menos em torno de um ismo qualquer. Penso que posso falar por todos, uma vez que, conhecendo a pessoa que me fez o convite, sei que os termos em que esse convite me foi endereçado foram os exactos termos em que o mesmo foi endereçado aos outros membros. Ou seja, o espírito deste blog será igualzinho ao do seu impulsionador e restantes animadores (animar é conferir um espírito, pelo que esse espírito só poderia ser o nosso). Este será um espaço de liberdade, com tudo o que dessa liberdade é emanação típica: determinação, crítica, debate. Ninguém aqui é a voz de um qualquer dono. Ninguém aqui fala por Cavaco Silva. Assim como ele, apesar do nosso apoio, não fala por nós.


É esta a grande vantagem da sua candidatura. Do seu lado, está um vasto grupo de gente independente, algumas delas que estiveram já, inclusivamente, noutras circunstâncias, em barricadas diametralmente opostas. Do outro lado, salvo raras excepções (onde, felizmente, se encontram alguns dos meus melhores amigos - lá está: a liberdade), apenas o círculo restrito dos cães de fila do costume.

4 Comments:

  • At 8:09 da tarde, Blogger Luís Aguiar-Conraria said…

    Vocês não falam por Cavaco Silva. Cavaco Silva também não fala nem responde a nenhumas perguntas, refugiando-se sempre na segurança do silêncio.
    Assim sendo pergunto-lhe quem fala por Cavaco? Não é por nada mas já que ele quer ser presidente da República gostaria de conhecer o seu pensamento.

     
  • At 3:57 da tarde, Anonymous Paulon Sá said…

    Faço minhas as palavras do luís aguiar

     
  • At 11:54 da manhã, Blogger Teófilo M. said…

    Do seu lado, está um vasto grupo de gente independente, algumas delas que estiveram já, inclusivamente, noutras circunstâncias, em barricadas diametralmente opostas. Do outro lado, salvo raras excepções (onde, felizmente, se encontram alguns dos meus melhores amigos - lá está: a liberdade), apenas o círculo restrito dos cães de fila do costume.

    Ou seja, de um lado nós, os bons, do outro lado os outros, que até são seus amigos em grande parte, et pour cause passam à categoria de cães-de-fila.

    Interessante análise, ou deverei dizer insulto?!

     
  • At 2:48 da tarde, Blogger jMAC said…

    estragaste tudo com o fcp!

     

Enviar um comentário

<< Home